Perguntas frenquentes dos usuários

"A campanha Anjo da Guarda é uma iniciativa da Clube de Regatas Flamengo e é referência em incentivos ao esporte no Brasil, e permite que você apoie a formação de centenas de atletas e cidadãos sem gastar nada - basta redirecionar até 6% do seu imposto de renda para o Flamengo.
A campanha terá duração até dia 26 de dezembro de 2018."
As campanhas do Flamengo Olímpico 2 e Flamengo Náutico têm como objetivo principal a promoção do desenvolvimento esportivo de alto rendimento aos atletas das modalidades de remo e canoagem, através da oferta de condições de treinamento adequadas à formação esportiva.
Todos os projetos contemplados nesta campanha são elaborados para garantir continuidade do trabalho de excelência de desenvolvimento e manutenção das modalidades olímpicas do clube. Os projetos são aprovados pelo Ministério do Esporte e permitem abatimento no Imposto de Renda.
"O processo é bastante simples. Basta clicar em Doe já seguir os 3 passos a seguir:
 1) Conheça os projetos beneficiados e escolha aquele com o qual você mais se identifica.
 2) Defina o valor da sua doação e o meio de pagamento
 3) Complete seu cadastro
Obs - a confirmação da doação ocorrerá após validação das instituições financeiras.
"
"Você deve clicar em Doe já e seguir pelos passos indicados pela plataforma."
"Declaração Completa do IR: Caso você seja optante da declaração de IR no modelo completo, você pode usar o Simulador para fazer um cálculo aproximado do seu potencial de doação anual, o qual poderá ser abatido do seu IR devido. Esse potencial representa 6% do seu Imposto de Renda Devido.
Você pode usar sua declaração do ano anterior como estimativa. Vá na folha de “Resumo” e busque “Total do imposto devido”. Sobre esse valor aplique 6%.
Importante: você poderá doar o valor que quiser, porém terá o limite de 6% do IR devido para abater em sua declaração.

Declaração Simplificada do IR: Caso seja isento ou faça a declaração simplificada, você também pode doar. Basta definir o valor da sua preferência, de acordo com o valor mínimo de R$ 150,00. A única diferença é que você não poderá abater o valor doado em sua declaração de importo de renda.

Não sei qual o modelo de Declaração do IR eu faço: você pode usar o Simulador para saber qual modelo de declaração é a melhor para seu perfil."
"A sua campanha oferece as seguintes opções de pagamento:
 1. Boleto Bancário - pagamentos até dia 26 de dezembro de 2018.  2. Cartão de Crédito - pagamentos até dia 25 de novembro de 2018."
Você pode pagar o boleto em qualquer banco, casa lotérica, caixa eletrônico e internet banking.
Se você emitir o boleto e não realizar o pagamento, nada acontece. Não há necessidade de cancelar um boleto emitido e não pago.
"Não é possível pagar um bolelo após da data de vencimento do mesmo. Será necessário gerar um segunda via. Acesse Minha conta, faça seu login com seu CPF e senha. No campo, ""Projetos Apioados"", você terá a opção de gerar um novo boleto."
"Os dados do boleto são usados informados à Receita Federal para garantia do benefício de abatimento da contribuição no imposto de renda. Tenha muita atenção ao preencher seus dados. Caso tenha percebido algo errado, entre em contato para podermos auxiliá-lo - Contato"
"Doação via boleto bancário - até 26 de dezembro de 2018
Cartão de Crédito - até 21 de novembro de 2018"
Sim. Todos os projetos estão aptos a receber apoio de todos os colaboradores.
"Sim, você poderá apoiar quantos projetos desejar. Clique em Doe Já e siga o passo a passo indicado. Você só pode fazer uma doação por vez. Caso queira doar para mais de um projeto, você deverá repetir o processo de doação doar a um novo projeto."
"Durante o período da campanha, você poderá realizar quantas doações desejar, sendo um de cada vez. Clique em Doe Já e siga os passos. Repita o processo para cada doação que queira realizar. "
"Sim. Você acompanha a execução do projeto escolhido pelo “Painel de Controle” da Plataforma. Após fazer sua doação e gerar sua senha, você terá acesso fazendo login.
Você receberá informações via e-mail com atualizações sobre a instituição escolhida, enquanto seu projeto não entra em execução. Após iniciada a execução, você será informado e poderá acompanhar avaliações trimestrais, clicando no botão “acompanhar”."
"Doações via boleto não podem ser canceladas uma vez pagas.
As doações via cartão de crédito e folha de pagamento que não tenham sido liquidas poderão ser canceladas. A liquidação pode ocorrer ao 26 de dezembro de 2018 ou, mensalmente, caso a campanha seja contínua."
Você pode acessar seus recibos pelo seu painel de controle, fazendo o login. Clique em “Minha conta” e selecione “Meus recibos”. Você será notificado por e-mail quando seu recibo estiver disponível na plataforma.
"Não. Doações não geram necessidade de emissão de Nota Fiscal. Você receberá um recibo eletrônico que ficará armazenado em seu painel de controle.
Você será notificado por e-mail quando seu recibo estiver disponível na plataforma."
Você terá agradecimentos de acordo com o valor de sua doação. Confira os planos pelo link Agradecimentos

"É uma plataforma construída pelo parceiro técnico Abrace uma Causa com o objetivo de facilitar o processo de doações de pessoas a projetos sociais incentivados, aqueles que permitem dedução pelo imposto de renda. Além de facilitar a doação, a plataforma permite o acompanhamento dos projetos apoiados."
Você deve clicar em Doe Já e seguir os passos indicados pela plataforma.
Não. Você irá apenas gerar o boleto para a sua doação, o qual será direcionado integralmente para o projeto selecionado.
"Facilidade – em poucos passos você apoia uma causa, sem precisar fazer transferências, usar seu cartão de crédito ou pagar um boleto bancário.
Segurança – você apoia projetos referencias em suas áreas de atuação, com crivo da Clube de Regatas Flamengo empregadora e da Abrace uma Causa. Ainda tem suas informações criptografadas para preservar confidencialidade.
Incentivo Fiscal – os projetos disponibilizados na plataforma permitem dedução pelo imposto de renda. Caso faça declaração completa do IR, você poderá usar o benefício.
Comodidade – na Abrace uma Causa você encontra todas as informações que precisa para deduzir os valores em seu imposto de renda.
Transparência – você pode acompanhar o andamento do projeto social escolhido."
Somente nas doações realizadas com cartão de crédito, a taxa do cartão é paga pelo doador como valor adicional ao valor da daoação. Porém, 100% da sua doação é direcionada ao projeto que você escolher.
A plataforma utiliza um Certificado Digital SSL exclusivo, que garante a autenticidade do site e permite que todas as informações trocadas com nossos servidores sejam criptografadas, impossibilitando que qualquer outra parte tenha acesso aos dados transacionados.
"Não. Apenas você e os gestores dos órgãos competentes por direcionar as informações das doações à Receita Federal (para que você possa deduzir os valores doados em sua declaração do imposto de renda) terão acesso às informações referentes a sua doação."

"É um estímulo concedido pelo governo a pessoas físicas e jurídicas (empresas) para viabilização de projetos sociais esportivos, culturais e na área da saúde e projetos sociais voltados para idosos e para crianças e adolescentes, por meio da destinação de parte de seu imposto de renda devido a esses projetos. Os incentivos fiscais estão previstos no artigo 174 da Constituição Federal e são regulamentados por leis específicas.
Leis para Pessoas Físicas:
 1. Estatuto da Criança e do Adolescente.
 2. Estatuto do Idoso
 3. Lei Federal de fomento ao Esporte
 4. Lei Federal de fomento à Cultura (Rouanet)
Outras leis para Pessoas Físicas;
 PRONON – programa nacional de apoio à atenção oncológica (Câncer)
 PRONAS – programa nacional de apoio à atenção da saúde da pessoa com deficiência

Pela plataforma, você poderá doar para projetos de Criança e Adolescente, Idoso e Esporte."
Projetos incentivados são projetos pré-aprovados por órgãos do governo (ministérios e conselhos de direito), os quais permitem doações com abatimento pelo imposto de renda.
"Até 6% do imposto de renda devido para projetos vinculados aos conselhos de Criança e adolescente, conselhos de Idoso, Ministérios do Esporte e da Cultura - o contribuinte pode determinar os percentuais para cada lei ou concentrar naquela que mais lhe interessar).
PRONON (Câncer) e PRONAS (Pessoa com deficiência), 1% do imposto de renda da pessoa física para cada. Pela plataforma Abrace uma Causa, você poderá doar para projetos de Criança e Adolescente, Idoso e Esporte. "
"Existem decretos que regulamentam cada uma das leis de incentivo fiscal. Basicamente, elas determinam:
  • Quem pode submeter projetos à aprovação – qual o perfil dos chamados proponentes (executores dos projetos);
  • Quais são as modalidades de projetos – áreas de interesse dos projetos de cada uma das leis. Ex.: na cultura – teatro, cinema, exposições, dança etc.;
  • Quais são as premissas para que os projetos sejam aprovados – que características os projetos devem contemplar. Ex.: perfil socioeconômico de público alvo, eixos temáticos, acesso irrestrito, abrangência geográfica, etc.;
  • Quais os valores máximos dos projetos – valor máximo de aprovação dos projetos por modalidade;
  • Qual o percentual do imposto de renda que pode ser direcionado por pessoas físicas e jurídicas;
  • Quanto o governo vai destinar para cada lei. Chamamos isso de total da renúncia fiscal por lei. Por exemplo: em 2014, o governo federal renunciou, em IR, a aproximadamente R$ 1,5 bilhões para lei da cultura. Isso significa que nesse exercício fiscal, o limite de recursos que poderão ser destinados por empresas e pessoas a projetos dessa lei, não pode ultrapassar o valor total da renúncia (essa informação é mais por curiosidade, você não precisa se preocupar com isso);
  • Processo de aprovação e prazo de realização dos projetos:
    o No caso da Criança e Adolescente, as instituições se credenciam juntos a Fundos Municipais ou Estaduais e aprovam seus projetos junto aos Conselhos Gestores desses Fundo. As doações nesse caso são feitas para as contas dos Fundos, que são responsáveis por transferir os recursos para que as instituições executem os projetos."
  • "Para se aproveitar os incentivos fiscais em sua totalidade, as pessoas físicas devem fazer a doação até o último dia útil do exercício fiscal em andamento. Dessa forma, conseguem aproveitar os 6% de renúncia fiscal.
    "
    "Declaração Completa do IR: Caso você seja optante da declaração de IR no modelo completo, você pode usar o Simulador para fazer um cálculo aproximado do seu potencial de doação anual, o qual poderá ser abatido do seu IR devido. Esse potencial representa 6% do seu Imposto de Renda Devido.
    Você pode usar sua declaração do ano anterior como estimativa. Vá na folha de “Resumo” e busque “Total do imposto devido”. Sobre esse valor aplique 6%.
    Importante: você poderá doar o valor que quiser, porém terá o limite de 6% do IR devido para abater em sua declaração.

    Declaração Simplificada do IR: Caso seja isento ou faça a declaração simplificada, você também pode doar. Basta definir o valor da sua preferência, de acordo com o valor mínimo de R$ 150,00. A única diferença é que você não poderá abater o valor doado em sua declaração de importo de renda.

    Não sei qual o modelo de Declaração do IR eu faço: você pode usar o Simulador para saber qual modelo de declaração é a melhor para seu perfil."

    "No software de geração da declaração do imposto de renda da Receita Federal, escolhendo a opção completa, no campo ""doações efetuadas"", você deverá lançar o valor consolidado de suas doações por projeto. Você deverá indicar na declaração:
     A - Código:
     B - Razão Social do beneficiário
     C - CNPJ do beneficiário
     D - Valor total doado no ano
    Sempre em janeiro, você terá acesso ao Informe de Doações, que receberá por e-mail e também poderá ser acessado em seu painel de controle. Fazendo o login. Selecione “Minha Conta” >> “Informe de Doações (IR)”. Ele trará todas as informações para facilitar sua declaração.
    Você pode acessar também nosso guia do imposto de renda no rodapé do site para ver detalhes desse processo."
    "Você poderá deduzir até 100% do valor total doado, respeitando o limite de 6% estabelecido pela legislação, a qual abrange os projetos da plataforma."
    "Dedução - são despesas permitidas na legislação que reduzem a base de cálculo do imposto de renda devido. São elas: despesas com saúde, educação, previdência, entre outras.
    Restituição – a restituição é quando um contribuinte, longo do ano, recolheu imposto (ex.: retenção na fonte, carnê Carnê Leão) a maior que o valor total de seu imposto devido, que só é calculado no momento da declaração. Nesse caso, o contribuinte receberá o imposto pago a mais."
    "Declaração simplificada – a Receita Federal aplica um percentual fixo de 20%, limitado à R$ 16.754,34 (valor referência Imposto de Renda exercício 2017 / ano calendário 2016), de dedução à base de cálculo do seu imposto de renda. Esse modelo é vantajoso quando o declarante não tem muitas despesas a deduzir, como: dependentes, educação, saúde etc.
    Declaração completa – você deduz da sua base de cálculos todas as despesas dedutíveis realizadas – dependentes, educação, saúde etc. Esse modelo é vantajoso quando o declarante tenha filhos, alta despesa com educação e saúde (principalmente)."
    "Não. Pela declaração simples, você não poderá abater suas doações aos projetos em seu imposto de renda.
    Porém, você poderá doar para os projetos da plataforma normalmente e acompanhar os resultados que ajudou a gerar!
    Durante o processo doação, você terá acesso a um Simulador e de acordo com suas informações você já terá uma indicação se a Declaração Simplificada ou a completa é a melhor opção para você."
    "Sendo optante da declaração completa e doando até o limite dos 6% do seu imposto de renda, há duas possibilidades.
    Considerando uma doação de R$ 1.000,00 em determinado ano:
    Ex. 1: Ao preencher sua declaração, você obtém um resultado de restituição de R$ 1.000,00. Ao lançar a doação de R$ 1.000,00, o valor da sua restituição passará a R$ 2.000,00.
    Ex. 2: Ao preencher sua declaração, você obtém um resultado de saldo a pagar de R$ 1.000,00. Ao lançar a doação de R$ 1.000,00, o valor do saldo a pagar será de R$ 0,00.
    "
    "Uma vez preenchida total a declaração e você feito o lançamento o valor da sua doação, o próprio software da receita já faz o abatimento no limite dos 6%. Dessa forma, se doar a menos, o abatimento será o valor da sua doação e, se doar a mais, o abatimento será o limite de 6%."
    "Feita sua declaração de IR completa, você será informado sem tem valor a pagar ou a restituir. O valor das doações ou reduzirão o valor a pagar ou aumentarão o valor a restituir de sua declaração. Em caso de restituição, o recebimento acontecerá de acordo com o cronograma estabelecido pela Receita Federal do Brasil, publicado no site da Receita Federal e divulgado na imprensa."
    "Sim. Em caso de restituição, o valor total a restituir será atualizado pela SELIC (taxa básica de juros), a partir da data de envio da declaração do imposto de renda."
    São doações passíveis de dedução no imposto de renda e sem tributação.
    "De acordo com o perfil da sua doação, você receberá extratos ao longo da campanha com a descrição de suas doações para seu controle.
    Sempre em janeiro do ano seguinte às suas doações, você receberá um recibo recibo eletrônico assinado com certificado digital, além de seu informe de doações."
    "Não. Em sua declaração você deverá fornecer apenas os dados da sua doação – código da lei de incentivo, nome beneficiário, CNPJ e valor.
    Você só terá que apresentar o recibo caso seja solicitado pela Receita Federal do Brasil."
    "Só acontece a malha fina quando os valores de declarados pelo contribuinte (doador) são divergentes da informação submetida pelo beneficiário da doação.
    Para além do acompanhamento da execução dos recursos que já é feito pelo Instituto, a plataforma e o processo de doação estão desenhados para mitigar este risco fiscal.
    Todas as doações efetivadas serão monitoradas para que se possa acompanhar todo o processo de regularização junto à receita. Será feito o monitoramento junto ao Fundo que receberá os recursos assegurando a correta emissão do recibo e da DBF (Declaração de benefício Fiscal) e proveremos informações e tutoriais para assegurar a correta declaração do aporte pelos doadores.
    Para reduzir o risco de erro nos preenchimentos pelos Fundos, a plataforma irá consolidar os dados e faremos um acompanhamento específico com cada conselho e doador.
    Se tiver alguma dúvida, entre em contato conosco."